Gunman deixa três mortos, 11 feridos depois de disparar contra duas escolas no leste do Brasil

Arquivo
Arquivo – Polícia Federal Brasileira durante uma operação no Rio de Janeiro. – JOSE LUCENA / ZUMA PRESS / CONTACTOPHOTO

Pelo menos dois professores e um estudante foram mortos e onze outras pessoas ficaram feridas num ataque na sexta-feira por um pistoleiro que disparou contra duas escolas no município brasileiro de Aracruz e está agora em fuga.

Os ataques visaram a Escola Primo Bitti State Primary and Secondary School (EEEFM) e a escola pública da Praia de Coqueiral. Primeiro, o assaltante invadiu a escola estatal com uma pistola e disparou vários tiros na sala dos professores. Dois deles morreram no local e pelo menos outros nove ficaram feridos.

O atacante deixou então o local num carro e dirigiu até à escola pública da Praia de Coqueiral, onde matou um estudante e feriu dois outros, segundo o secretário de Segurança Pública e Defesa Social do Estado do Espírito Santo, Coronel Márcio Celante.

O indivíduo estava vestido de camuflado e tinha o rosto coberto para dificultar a sua identificação pelas câmaras escolares, confirmou Celante, antes de anunciar uma operação de busca e apreensão regional contra o agressor.