Canelo Alvarez ameaça Messi por supostamente insultar a camisa mexicana

Saúl
Saúl ‘Canelo’ Álvarez e Leo Messi – DPA/EUROPA PRESS

O boxeador mexicano Saul ‘Canelo’ Alvarez acusou o internacional argentino Leo Messi de usar a camisa da seleção mexicana de futebol para «limpar o chão» após a reunião de sábado entre os dois lados na Copa do Mundo no Qatar, e o ameaçou pelo que ele considera um ultraje aos símbolos de seu país.

«Você viu Messi limpando o chão com nossa camisa e nossa bandeira? Que ele reze a Deus para que não me encontre! Assim como eu respeito a Argentina, você tem que respeitar o México. Não estou falando do país, da Argentina, estou falando de Messi pela porcaria que ele fez», escreveu ele em sua conta oficial no Twitter.

Após a vitória da Argentina por 2-0 sobre ‘El Tri’, um vídeo comemorativo dos jogadores da Albiceleste no vestiário após a partida circulou nas mídias sociais; ele mostra Messi com uma camisa do México ao seu lado no chão, que ele chuta, aparentemente sem querer, enquanto ele tenta tirar uma bota.

No entanto, o multi-campeão mundial de superpesos médios viu a ação como uma ofensa ao México e seus símbolos. «A partir do momento em que a camisa mexicana está no chão, já é um insulto, pare com as besteiras sobre o que foi ou não foi», disse ele. «Quem não defende seu país é um idiota». Uma coisa é o fanatismo, outra é a sua identidade. Viva México, cabrones», acrescentou ele.

O México, com apenas um ponto no Grupo C, precisa vencer a Arábia Saudita e esperar um favor da Polônia, que enfrenta a Argentina no último dia, para avançar para as oitavas de final.